Terça, 15 de outubro de 2019
75 8846-8150
Economia

08/10/2019 às 10h34

26

Rodrigo Mario

Valança / BA

, Rui afirma que o prefeito vem tratando a questão de um ponto de vista político, o que pode ser prejudicial para o andamento do projeto.
Rui afirma que o prefeito vem tratando a questão e um de vista politico o que pode ser prejudicial para andamento do projeto
, Rui afirma que o prefeito vem tratando a questão de um ponto de vista político, o que pode ser prejudicial para o andamento do projeto.






Publicado em 08/10/2019 às 10h15.








Publicado em 08/10/2019 às 10h15.

‘Faço esforço para separar gestão de politica’, diz Rui sobre declarações de Neto


O governador criticou o posicionamento do prefeito ao tratar o projeto da ponte Salvador-Itaparica como politica partidária


Bianca Andrade / Matheus Morais




Foto: Matheus Morais/ bahia.ba
Foto: Matheus Morais/ bahia.ba


O governador Rui Costa (PT) falou sobre as declarações dada pelo prefeito ACM Neto (DEM) referentes ao projeto da ponte Salvador-Itaparica, em evento realizado nesta terça (8) em Salvador.


Em entrevista ao bahia.ba, Rui afirma que o prefeito vem tratando a questão de um ponto de vista político, o que pode ser prejudicial para o andamento do projeto.


“Eu não respondi a nenhuma declaração, porque na minha opinião as declarações estavam mais no campo da política. Do que no campo da gestão e da técnica. Até porque a Prefeitura participou de todo processo, Leão chegou a mostrar atas e fotos. Eu disse ‘Prefeito, qualquer necessidade de novo esclarecimento, de atualização, nós estaremos sempre a disposição’. Não só do município de Salvador, mas do município de Itaparica, Vera Cruz de qualquer município que algum projeto estadual alcance, nós estaremos a disposição”, disse o governador.


O petista ainda reforçou que não tem interesse de criar uma “guerra” acerca do assunto e pretende deixar as discussões sobre o projeto apenas no âmbito da gestão. “Eu tento e faço um esforço grande para separar gestão de politica partidária”, afirmou.


Na última semana, ACM Neto disse estar à disposição do governo para debater o projeto, mas caso não fosse compatível com Salvador seria contra.


“Se ela for viável, se tiver compatibilidade com a cidade, nós vamos apoiar. Se ela não for viável, nós vamos ficar contra. A prefeitura não é contra por ser contra, e essa é minha determinação. Na hora que o vice-governador e o governador quiserem, a nossa equipe vai estar à disposição”.


O projeto, segundo Rui Costa, está na fase de arranjo e deve ficar pronto dentro de cinco anos. “A ponte é um ano de projeto executivo, a empresa vencedora vai ter que detalhar o projeto e buscar solução financeira. É um ano para esse arranjo e quatro de obra. Daqui a cinco anos o governador que estiver a época irá entregar a ponte e eu espero que ele me convide para a inauguração








O governador criticou o posicionamento do prefeito ao tratar o projeto da ponte Salvador-Itaparica como politica partidária


Bianca Andrade / Matheus Morais




Foto: Matheus Morais/ bahia.ba
Foto: Matheus Morais/ bahia.ba


O governador Rui Costa (PT) falou sobre as declarações dada pelo prefeito ACM Neto (DEM) referentes ao projeto da ponte Salvador-Itaparica, em evento realizado nesta terça (8) em Salvador.


Em entrevista ao bahia.ba, Rui afirma que o prefeito vem tratando a questão de um ponto de vista político, o que pode ser prejudicial para o andamento do projeto.


“Eu não respondi a nenhuma declaração, porque na minha opinião as declarações estavam mais no campo da política. Do que no campo da gestão e da técnica. Até porque a Prefeitura participou de todo processo, Leão chegou a mostrar atas e fotos. Eu disse ‘Prefeito, qualquer necessidade de novo esclarecimento, de atualização, nós estaremos sempre a disposição’. Não só do município de Salvador, mas do município de Itaparica, Vera Cruz de qualquer município que algum projeto estadual alcance, nós estaremos a disposição”, disse o governador.


O petista ainda reforçou que não tem interesse de criar uma “guerra” acerca do assunto e pretende deixar as discussões sobre o projeto apenas no âmbito da gestão. “Eu tento e faço um esforço grande para separar gestão de politica partidária”, afirmou.


Na última semana, ACM Neto disse estar à disposição do governo para debater o projeto, mas caso não fosse compatível com Salvador seria contra.


“Se ela for viável, se tiver compatibilidade com a cidade, nós vamos apoiar. Se ela não for viável, nós vamos ficar contra. A prefeitura não é contra por ser contra, e essa é minha determinação. Na hora que o vice-governador e o governador quiserem, a nossa equipe vai estar à disposição”.


O projeto, segundo Rui Costa, está na fase de arranjo e deve ficar pronto dentro de cinco anos. “A ponte é um ano de projeto executivo, a empresa vencedora vai ter que detalhar o projeto e buscar solução financeira. É um ano para esse arranjo e quatro de obra. Daqui a cinco anos o governador que estiver a época irá entregar a ponte e eu espero que ele me convide para a inauguração







FONTE: bahia baALADO

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Big Brother Brasil

Big Brother Brasil

Blog/coluna Tudo sobre a casa mais vigiada do Brasil em um só lugar!
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Contador de visitas